O que é Marketing de Diversidade e 6 fatos reveladores sobre o assunto

O leitor que se depara com a expressão “Marketing de Diversidade” é naturalmente induzido a acreditar que se trata de uma política de marketing voltada para fortalecer o prestígio da marca com base em ações promocionais com orientação política.

Precisando de conteúdo para seu site/blog?

RedaWeb

Em outras palavras, a primeira impressão é que se trata de angariar simpatia da opinião pública defendendo a diversidade, direitos das minorias e congêneres.

Não que não seja uma boa política de marketing, mas não é disso que se trata. Marketing de Diversidade é, na realidade, parte de uma estratégia para conquistar públicos específicos, através de campanhas direcionadas aos mesmos.

A crença, muito correta, por sinal, é de que cortejar públicos específicos, com características muito próprias, é um caminho certeiro para ampliar a base de consumidores da marca, com consequente aumento das vendas, das receitas e do lucro.

Seis fatos reveladores sobre o Marketing de Diversidade

1 – Marketing de Diversidade é posicionamento

Como já foi abordado com outras palavras, o Marketing de Diversidade é uma ação promocional para declarar um posicionamento da marca ou de determinado produto com relação a “para quem fazemos”.

2 – Uma estratégia arriscada

A menos que seja o objetivo da empresa ser identificada exclusivamente com determinado público, é bom que o Marketing de Diversidade seja tratado com muito cuidado e a abordagem publicitária seja sutil e inclusiva.

Em outras palavras, deve-se tomar cuidado para não focar em um nicho e acabar passando a imagem de que os demais consumidores estão fora do público-alvo da empresa.

3 – Diversidade é segmentação

Quando se fala em diversidade em marketing a abordagem é muito mais abrangente que as questões de gênero, raça e etnia, que são aquelas mais fortemente relacionadas ao tema do ponto de vista político.

Trata-se de abordar, através da propaganda, públicos diferentes quanto a vários aspectos, como estilo de vida, situação socioeconômica, identidade política, etc.

4 – Sim, tem o ganho institucional

Ainda que não seja um posicionamento político, mas mercadológico, o Marketing de Diversidade pode, sim, acertar dois coelhos com o mesmo tiro. As pessoas vigiam o comportamento das empresas e se tornam simpáticas a elas quando percebem uma conduta mais humana e engajada com questões sociais e ambientais.

5 – De dentro para fora

Uma empresa que trabalha com um público diversificado deve ter um público interno que tenha, também, essa característica. Em outras palavras, o corpo de colaboradores deve reunir a maior pluralidade possível. Isso contribui, por meio da união de diversas visões de mundo, para a geração de ideias e solução de problemas.

6 – Se não quer chocar, tome cuidado com a ousadia

Uma coisa é uma marca voltada para um público descolado, como a Calvin Klein, fazer campanhas “transgressoras”. Ela está falando para o seu público, não está fazendo Marketing de Diversidade. Cuidado para não chocar gregos tentando agradar troianos.

Gostou desse artigo? Ele foi produzido pela Redaweb. Se você quer ter artigos como esse ajudando a promover sua marca, sue negócio, sua empresa, visite o nosso site ou entre em contato com o 0800 750 5564 e assine um plano de produção de conteúdo para seu blog e suas redes sociais. Teremos prazer em atender.

2018-04-24T13:47:47+00:00 abril, 2018|Categories: Marketing de Conteúdo|Comentários desativados em O que é Marketing de Diversidade e 6 fatos reveladores sobre o assunto