Marketing Direto: o que é e como utilizá-lo em seu negócio

O Marketing Direto é um conceito muito importante dentro do Marketing, que começou a se estabelecer ainda no século XX.

 

Precisando de conteúdo para seu site/blog?

RedaWeb

Muito se confunde Marketing Direto com os canais, no entanto o mais importante é o conteúdo.

Falando em canais tradicionais, tanto faz se ele é a venda direta, se é a mala direta ou o telemarketing, o importante é que o conteúdo entregue ao consumidor esteja de acordo com as características do Marketing Direto.

Vamos compreender melhor essa questão?

Objetivo

O objetivo do Marketing Direto sempre é induzir o consumidor a realizar uma ação.

Essa ação pode ser: realizar uma compra, fazer uma doação, responder a um questionário de pesquisa, aceitar receber notificações da empresa por e-mail marketing, etc.

Características

Para ser uma campanha de Marketing Direto, é imprescindível que todas essas características estejam presentes:

1 – Estímulo à ação

O estímulo é, basicamente, o que vai levar o consumidor a tomar uma decisão.

Pode ser uma promoção de desconto, um cupom, uma experimentação gratuita do serviço ou uma recompensa.

2 – Estímulo à decisão

A ação desejada é a compra, mas o que se busca no Marketing Direto é estimular uma decisão.

Além da recompensa, a melhor forma de estimular a decisão de compra, fazendo com que o cliente a antecipe, é estipular prazo de validade para a campanha, criando no consumidor o sentimento de urgência.

3 – Mensagem direta

A mensagem deve ser curta e direta, descrevendo a condição temporária que é oferecida e estimulando a decisão do consumidor.

Não se trata de uma mensagem publicitária ou informativa, pois a presunção é de que o cliente já conhece o produto.

4 – Mensurabilidade

A vantagem da campanha de Marketing Direto dever ser a mensurabilidade. Os resultados têm que ser mensuráveis.

Por exemplo, quando você faz uma campanha de envio de mala direta, necessariamente terá como saber quantas malas diretas foram encaminhadas, quantas pessoas receberam o material, quantas entraram em contato com a empresa e quantas fizeram as compras.

Esses resultados mensurados ajudarão a melhorar as campanhas futuras e a alimentar a inteligência de Marketing da empresa.

Quem deve receber o estímulo

Para concluir o tema, falaremos da questão mais importante em uma campanha de Marketing Direto.

Quem receberá esse estímulo?

Trata-se de um público selecionado, que, presumidamente, conhece o produto e está entre aqueles a cujas necessidades e expectativas o produto foi desenvolvido para atender.

O ideal, embora isso seja praticamente impossível, é que 100% dos destinatários da campanha estejam dentro do público-alvo da empresa.

Devemos pensar que todos que recebem o estímulo do Marketing Direto sejam pessoas propensas a realizar a ação proposta e precisem, para isso, exatamente desse estímulo.

Ficou claro?

Esse artigo foi produzido pela RedaWeb, empresa especializada em produzir conteúdos de qualidade e alinhados com as necessidades do seu negócio. Entre em contato conosco pelo site ou pelo 0800 750 5564.

2018-08-16T15:16:12+00:00 agosto, 2018|Categories: Marketing de Conteúdo|Comentários desativados em Marketing Direto: o que é e como utilizá-lo em seu negócio